Stopover em Dubai – o que é e como funciona

Na viagem que fiz ao Japão no ano passado, fiz stopover em Dubai, nos Emirados Árabes, voando pela Emirates Airlines, porque não se exige visto de trânsito. Um dos meus amigos que foram comigo tinha curiosidade de saber se era possível fazer isso e decidimos ficar dois dias lá.

O que é stopover?

Stopover é a parada que você pode fazer na cidade de escala de seu voo, tanto na ida quanto na volta. Há empresas aéreas que liberam apenas alguns destinos e em alguns casos é necessário pagar uma taxa.

Para ir a Dubai, foram acrescentados pouco menos de R$ 100 ao preço da passagem de avião de São Paulo a Tokyo para arcar com as taxas do aeroporto de lá. Depois, precisamos tirar um visto de curta permanência.

Compre sua passagem área para o Japão pela Passagens Promo

Dubai arranha ceu Emirados Arabes Asia

Os impressionantes arranha-céus em Dubai, nos Emirados Árabes (crédito: arquivo pessoal)

Visto

O visto pode ser solicitado antes da viagem pelo site da Emirates ou na chegada ao aeroporto da cidade. Se for pela Internet, você deve preencher os dados (em inglês) e o pagamento da taxa deve ser realizada com cartão de crédito. Quando concedido, segundo o aviso do site, o visto é enviado por e-mail para impressão.

Para poupar tempo no aeroporto, tiramos online o visto de até 96 horas. Só meu amigo que sugeriu o stopover recebeu o visto por e-mail. E e meu outro amigo checamos no site e, apesar de o status ser de visto concedido, não recebemos nada. Por isso, precisamos pedir a impressão no setor de imigração do aeroporto logo que chegamos.

Pelas informações fornecidas na loja da Emirates, parece difícil ter o visto negado. Eu e meus amigos conseguimos sem grandes problemas.

Mais informações:
www.emirates.com/br/portuguese/before-you-fly/visa-passport-information/uae-visas
www.dubaivisa.net/online/faqs (em inglês)

E depois?

Hospedagem – Logo que o visto para stopover for concedido, recomendo que você reserve sua hospedagem. Geralmente, começo a pesquisa pelo Booking.com para ter uma ideia de hotéis e hostels e a faixa de preço. Foi assim que encontrei o Ibis World Trade Center, que está a uns 30 minutos de táxi do aeroporto.

Faça a reserva de sua acomodação em Dubai pelo Booking.com

Na hora de reservar, tome cuidado com o fuso horário! Fiquei responsável pela reserva e decidi fazer pelo site do próprio hotel. Existia a opção de pagar um pouco mais pela tarifa da diária que garantia alterações sem custo adicional. Mas depois me arrependi, porque percebi que tinha feito confusão nas datas, por causa do fuso, e precisei fazer outra reserva. Mesmo explicando o motivo por e-mail, não foi possível mudar.

Minha dica, então, é prestar bastante atenção nos detalhes da tarifa do hotel e da reserva ou, se preferir garantir, escolha – se houver – a opção que permite alterações futuras.

Passeios – Quando compramos a passagem de avião na loja da Emirates, recebemos sugestões de atrações e passeios na cidade. O básico mesmo. Também fizemos uma pesquisa rápida online.

– Confira dicas do que fazer em Dubai!

Um lugar obrigatório de visitar ao fazer stopover em Dubai é o Burj Khalifa, atualmente o prédio mais alto do mundo. De lá, você tem uma bela vista de Dubai.

Dubai Burj Khalifa Emirados Arabes Asia

A vista do Burj Khalifa, passeio obrigatório em stopover em Dubai (crédito: arquivo pessoal)

Contrate seu seguro viagem nacional e internacional pela Seguros Promo

Comprar ou não a moeda local?

Apesar de existir bastante incentivo ao turismo, diversos estabelecimentos não aceitam dólar ou o câmbio não compensa. O dirham, nome da moeda local, vale pouco menos que o real. Por isso, sempre é bom ter dirhams à mão.

moeda estrangeira cambio

Você também pode pagar com cartão de crédito, o que já ajuda a evitar que sobrem muitos dirhams. Valeria guardar algumas moedas como lembrança de viagem!

– Leia também o que observei em minha viagem por Dubai!

Viaje conectado com o chip internacional da EasySIM4U


Facebook – blog321Viajando
Instagram – @321_viajando
Pinterest – 321viajando
Twitter – @321_Viajando
YouTube – 321Viajando

Deixe seu comentário