O que levar na mala em uma viagem internacional

Fazer as malas é uma parte de viajar de que eu não sou fã e sempre preciso me organizar com check-list de tudo. Depois de uma ou outra viagem internacional, descobri o que devo levar para não me preocupar nem perder tempo, ainda mais porque não conhecia as cidades que visitei.

Seguem dicas e lembretes de itens práticos, importantes e até uns meio óbvios, mas que na ansiedade dos preparativos podemos nos esquecer de algo que precisaremos quando já estivermos em outro país.

A mala

mala viagem

Minha companheira de viagens já está um pouco castigada

Estou acostumada a usar minha mala grande de rodinha, que gira em 360º e tem cadeado de padrão internacional já embutido. A única desvantagem é quando está pesada e preciso carregar na mão ou quando não existem escadas rolantes ou elevadores em estações de metrô e afins – como aconteceu em Berlim, na Alemanha, e Naha, em Okinawa, no Japão. Em Berlim, tive sorte de ser ajudada por pessoas gentis que se ofereceram para levar minha mala até a rua. Em Naha, tive de carregar sozinha, mas pelo menos era escada para descer! (risos)

É importante colocar uma tag para identificar sua bagagem. Evita confusão na hora de pegar a mala da esteira no aeroporto e (mais) problemas em caso de extravio. O blog Finestrino vende tags personalizadas!

Na mala de mão

Sempre é bom levar um pouco de shampoo, condicionador e sabonete. Você pode colocar em frascos de até 100ml na mala de mão. Recomendo também, se tiver um espaço, colocar sua própria toalha de banho. Muitos, mas nem todos os hotéis e hostels oferecem os amenities e toalha (em alguns casos, você pode alugar uma).

No Japão, na emergência, eu e meus amigos compramos essas coisas na Daiso, franquia japonesa de lojas de itens a 100 ienes (cerca de R$ 2,60) cada. Mas você pode acabar sem a mesma sorte e, por isso, melhor já levar.

Para evitar dor de cabeça, caso sua bagagem seja extraviada, tenha uma troca de roupa na mala de mão. E, se você tem fome a cada 3 ou 4 horas e adora doces como eu, recomendo levar algumas coisas para beliscar também.

Remédios

O melhor mesmo é já comprar os medicamentos que você costumar tomar. Se for de uso contínuo, tenha a prescrição médica com você.

Para emergências, leve analgésico e algum remédio para o estômago, por exemplo.

– Precisa de dicas de como fazer a mala no inverno? Aqui tem! 😉

Outros itens importantes de viagem

Aquela bolsinha para guardar dinheiro, também conhecida como porta-dólar, é incômoda, mas útil. A impressão que tive é que é mais seguro, inclusive para cartões. Outra sugestão é usar uma bolsa pequena e mantê-la na frente do corpo, onde você consegue enxergar.

Cotaçao_banner_468x60_2

Compre moeda estrangeira online aqui

Parece meio óbvio citar os carregadores de celular e câmera fotográfica. Vale reforçar, porque esqueci o carregador da bateria da câmera em casa e tive de comprar outro no Japão (aproveitei e comprei uma bateria extra, que também é útil ter).

Outro item é o adaptador de tomada, que precisei comprar com urgência. Apesar de poder recarregar alguns eletrônicos ao mesmo tempo, me custou cerca de R$ 30. Portanto, verifique o tipo de tomada do país que visitará e, se o plugue já for compatível, você nem precisa se preocupar. Se precisar de adaptador e você já tiver um que sirva, coloque na mala!

Aqui tem mais dicas de viagem! 🙂

Dicas especiais para as mulheres

Recomendo (fortemente) levar sua própria lâmina de depilação e os absorventes/protetores íntimos de sua preferência. Por conta disso, passei por duas situações diferentes.

A primeira vez em que precisei comprar absorvente em uma viagem foi nos Estados Unidos, quando fiz intercâmbio – Work & Travel. Como as informações na embalagem estavam em Inglês, não tive grandes dificuldades em encontrar um modelo que achei ok. Só que na hora de usar descobri que era gigante, parecia do tipo noturno! (Juro, sem ofensas!) Ficou desconfortável e neste momento me arrependi de não ter comprado no Brasil.

mala de mao

Esta é a mala de mão (no caso, de rodinha) que comprei na minha viagem ao Japão, na loja Don Quijote ou apenas “Donki”

A outra vez foi no Japão. E olha que ironia: eu tinha levado o suficiente na mala, mas não me lembrava disso e decidi comprar para garantir. Lá fui eu procurar na drogaria/mercado (pois é, uma coisa louca!). Até que encontrar a seção foi fácil, demorei mesmo pra descobrir o que era absorvente e o que era protetor. Sem exageros, tentava ler, reler, mas tinha muito kanji (ideograma). E os japoneses adoram katakana (alfabeto para escrita de palavras entrangeiras e usado para destacar determinadas palavras), que pra mim é confuso, porque tem letras quase iguais.

Depois de uns bons minutos na dúvida, até pensei em chamar um funcionário pra me ajudar, mas achei que daria mais trabalho ainda explicar o que precisava. Desisti e fui ao caixa pagar os que tinha escolhido. Até usar, continuei pensando se tinha comprado certo. No fim, acertei e fiquei aliviada. Agora que já sei, prefiro não passar por isso!

– Confira aqui dicas de como escolher o destino de sua viagem. 😉

3, 2, 1… Viajando! na rede

Facebook – www.facebook.com/blog321Viajando
Twitter – @321_Viajando
Instagram – @321_viajando

2 comentários sobre “O que levar na mala em uma viagem internacional

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s