18 curiosidades sobre a rede de trens e metrô no Japão

Usar a rede de trens e metrô no Japão é parte da rotina de grande parte dos japoneses e é o principal – talvez o melhor – meio de transporte para os turistas e viajantes. Em minha viagem, fui a vários lugares de trem e observei fatos curiosos que conto a seguir.

A Japan Railways (JR) é a empresa ferroviária do Japão que conta com uma rede de 27 mil quilômetros, mantendo o tráfego mais intenso do mundo, segundo a Organização Nacional de Turismo Japonês (JNTO). A companhia opera as linhas de trem locais (das cidades grandes) e trem-bala (shinkansen).

Shinkansen Japao

Shinkansen chegando à estação de trem (foto: Tatiana Maebuchi)

Curiosidades

1. Na mesma plataforma, passam linhas diferentes de trem com apenas alguns minutos de diferença. Por isso, é preciso ficar atento para não acabar em outro lugar.

2. Existem tanto linhas locais como expressas, cujos trens são mais rápidos e fazem menos paradas. Dependendo do trajeto, a economia de tempo é de cerca de 10 a 15 minutos, o que pode fazer a diferença entre chegar no horário ou atrasado.

3. Os trens das linhas expressas possuem banheiro dentro de alguns vagões. Tive a experiência de usar uma vez e achei sujo.

– Leia também curiosidades sobre as estações de trem!

4. Todas as estações de trem, mas apenas umas de metrô, possuem banheiros. É preciso passar pelos bloqueios para ter acesso. Quase todos os que usei estavam limpos.

5. Quando for comprar o bilhete avulso, é preciso saber em qual estação desembarcará. Cada trecho custa um valor diferente.

6. Isso porque a tarifa aumenta quanto maior a distância percorrida.

– Veja curiosidades sobre os ônibus do Japão!

7. Em cada região do Japão, usa-se um bilhete (cartão de plástico como o que temos em São Paulo) em toda a rede de transporte público – trens, metrô e ônibus. Em Tokyo, percebi que a viagem sai mais barata com o bilhete (6 ienes por viagem), que se chama Suica.

8. Na viagem de ida, ao passar pelo bloqueio, a máquina mostra o saldo do bilhete. Na estação de saída, é preciso passar o bilhete de novo – você vê o valor da tarifa que foi descontado e o saldo atualizado.

9. No caso do bilhete avulso, em papel, você deve passar no leitor do bloqueio para entrar e passar de novo para sair ou depositar na própria máquina ou do lado de fora.

10. O JR Pass, passe turístico de trem, pode ser usado na rede de trens de grandes cidades, como Tokyo e Sapporo, além de servir para viagens de shinkansen.

Shinkansen plataforma Japao

A espera para o embarque no shinkansen (foto: Tatiana Maebuchi)

11. Há máquinas de bebida na plataforma de estações de trem. É prático, porque enquanto você espera, pode comprar água, chá, suco ou refrigerante e até sopa de milho ou feijão, além de bebidas quentes, como café.

12. Dentro dos trens, os bancos estão na lateral (acompanham as paredes) e acima existe um suporte para bolsas e sacolas. Achei inteligente, porque não incomoda as outras pessoas.

– Saiba mais curiosidades e veja dicas de viagem do Japão aqui. 😉

13. Acima das portas, estão instaladas telas que mostram diversas informações úteis – em kanji (ideograma), hiragana (alfabeto para palavras em Japonês) e Inglês/letras romanas (alfabeto ocidental) aos passageiros, como:

– trajeto da linha com os nomes das estações e tempo de viagem até cada uma;

– dados da próxima estação, como “mapa” de vagões e localização de elevadores e escadas fixas e rolantes;

– na parada, aparece o nome da estação e qual lado do trem em que abrirão as portas.

320x100

14. Em algumas linhas de trem, há vagões reservados para mulheres em horários de pico – de manhã e no fim da tarde.

15. Existem linhas que têm vagões reservados com assentos numerados (e mais confortáveis) para quem compra o bilhete com antecedência. Umas duas ou três vezes, entrei nesses vagões, porque estava distraída ou com pressa, mas percebi a tempo de embarcar no “comum”.

16. A velocidade média trem-bala é de 300 km/h.

17. O trecho de ida ou volta em shinkansen comprado avulso custa (bem) mais caro que usando o JR Pass. Tem mais informações aqui. 😉

18. Ainda não existe uma linha de trem-bala de Tokyo até Sapporo, em Hokkaido, apenas em um trecho da viagem, inaugurada em março de 2016. A previsão de extensão até Sapporo é em 2030.

– Veja aqui 10 razões para viajar ao Japão. 🙂

Reserve sua acomodação no Japão pelo Booking.com

chip internacional sim card

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s